Por que você deveria estudar Filosofia

Você se considera uma pessoa curiosa por natureza? Sempre tenta entender o por quê das coisas? Era do tipo que fazia muitas perguntas desde pequeno? Talvez você curta estudar Filosofia. Essa área do conhecimento não costuma ser muito valorizada pelos alunos, mas um diploma de graduação na área pode ser muito útil para a carreira. Abaixo, listamos alguns motivos pelo quais você deveria escolher essa profissão.

Raciocínio lógico

Raciocínio lógico

A filosofia é baseada na argumentação. A maioria dos cursos de filosofia tem aulas de pensamento crítico e lógica simbólica. Assim, os alunos aprendem a expressar e justificar suas ideias e opiniões ao organizar os pensamentos de forma eficaz. Também compreendem como avaliar os argumentos que são apresentados. É por isso que os profissionais da área costumam ser muito bons em detectar linhas de raciocínio problemáticas ou contratos duvidosos.

Poder de reflexão

Poder de reflexão

Esta é uma das atividades mais importantes que você pode desenvolver na vida, pois é essencial saber refletir sobre os princípios que podem moldar sua conduta e visão de mundo. Um profissional com essa característica tem a sua disposição as ferramentas para enfrentar qualquer problema e tomar decisões assertivas.

Pensamento crítico

Pensamento crítico

Ao ler um texto filosófico, é preciso identificar o problema e avaliar os argumentos. A análise constante de questões ou enigmas lógicos faz o cérebro aumentar sua capacidade crítica, e você se torna capaz de encontrar verdades e respostas mais eficazes aos problemas. Foram os pensamentos críticos que moveram as ciências e ajudaram pesquisadores e intelectuais a descobrirem as leis do universo. Avanços morais e políticos também se devem a isso, como quando a sociedade começou a questionar o papel social da mulher e a pedir mudanças, por exemplo. Essa habilidade pode ser usada em várias áreas, por isso, é uma das razões para estudar filosofia, até mesmo em cursos como Comunicação ou Direito.

Criatividade

Criatividade

A filosofia também desenvolve o pensamento criativo, seja ele oral ou escrito. O profissional é treinado durante o curso para debater argumentos e sugerir alternativas, o que não deixa de ser um exercício de criatividade, algo importante e muito valorizado no mercado de trabalho.

Capacidade de argumentação

Capacidade de argumentação

Argumentar é passar o seu ponto de vista para o outro, seja sob a forma de uma opinião, uma ideia ou uma solução inovadora, por exemplo. A Filosofia ajuda a aumentar nossa capacidade de argumentação, assim como desenvolver uma escrita e uma oratória autêntica. Em redações filosóficas, mesmo que seu objetivo seja analisar a opinião de um autor, você precisa usar suas próprias palavras e criar suas críticas. Isso também é válido em discussões, em que é preciso saber expressar seu ponto de vista a um oponente.

Onde trabalhar?

Onde trabalhar?

Cada vez mais as escolas têm contratado professores de filosofia, pois esta é uma matéria muito presente no vestibular. Mas a maior parte dos profissionais segue a carreira acadêmica. Nas universidades, eles também podem atuar como pesquisadores.

No setor público ou em ONGs, os filósofos atuam em parceria com profissionais de outras áreas, principalmente em projetos que envolvam programas sociais ou políticas públicas. Já o mercado editorial emprega filósofos para atuarem como escritores.

Por ser capaz de fazer análises éticas e políticas da sociedade e suas manifestações artísticas e culturais, o profissional também pode atuar como crítico de literatura e obras artísticas para jornais, revistas e sites.

E aí, ficou interessado? Então saiba mais sobre o curso da Católica EAD.

 

Tópicos: Filosofia

Católica EAD

Escrito por Alessandra Melo

Posts Recentes