Fazer uma segunda graduação vale a pena?

Você já terminou uma graduação, mas tem considerado a hipótese de cursar uma segunda? Tem dúvidas se isso vale a pena? Nós te ajudamos!

Segunda graduação ou pós

Segunda graduação ou pós

A escolha de uma segunda graduação costuma se dar em um ambiente de descontentamento com a primeira. Após alguns anos trabalhando na área escolhida, o profissional percebe que suas preferências mudaram ou que a atividade não era exatamente o que almejava para sua vida.

Para avaliar se uma segunda graduação vale a pena, você deve entender se o que busca é uma especialização para dar um salto na sua carreira, ou uma mudança de área. Se for o primeiro caso, o ideal é partir para uma especialização. Por exemplo, se você for um cirurgião geral e pretende focar em cirurgia plástica, precisará aprender as técnicas da especialidade.

Muitas vezes os cursos podem ser complementares, como no caso de um profissional formado em letras que deseja dar aulas no ensino fundamental e, por este motivo, volta ao ensino superior para obter a formação em pedagogia.

Cansei da minha área, o que fazer?

Cansei da minha área, o que fazer?

Se a sua intenção é mudar completamente de área, você deve fazer uma reflexão profunda para identificar se é algo transitório, o que acontece com quase todos os profissionais, ou se é definitivo. Se for definitivo, uma segunda graduação pode valer a pena.

Para aproveitar ao máximo o que este novo conhecimento lhe trará, é necessário ter muita consciência do que realmente te inspira como profissional. Após esta descoberta, você deve se programar, pelo menos com um ano de antecedência.

Você pode estar achando este período muito longo, mas analise e perceberá que é necessário. Por ser a graduação um curso longo e com alto valor agregado, é essencial uma reserva financeira para esta fase.

Verifique também se o curso permitirá que você trabalhe e estude ao mesmo tempo. Caso ele exija dedicação integral, o valor acumulado antes de ingressar deve ser bem específico.

Tempo

Tempo

Você já sabe qual será a sua segunda graduação, possui os recursos financeiros para isso, mas seu problema é tempo? Com o volume de trabalho que tem hoje, sua agenda nem sempre está disponível nos mesmos horários, o que atrapalharia sua performance em um curso presencial, certo? Saiba que hoje é possível frequentar uma graduação a distância.

O ensino nesta modalidade é tão bom e exigente quanto no presencial. Com a vantagem de permitir que você acompanhe todas as aulas sem deixar seu trabalho atual, ou seja, sua fonte de renda, e fazer um bom networking para ingressar em uma nova área de atuação.

Conheça os cursos a distância da Universidade Católica clicando aqui!

 

Tópicos: Graduação

Católica EAD

Escrito por Alessandra Melo

Posts Recentes